Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Casal de brasileiros moradores dos EUA é encontrado morto em casa

Aline de Lima Ferreira Castro, de 38 anos, e Luiz Castro Júnior, de 44, eram de Votuporanga, no interior de SP, mas moravam em Massachusetts


Reprodução

Os brasileiros Aline de Lima Ferreira Castro, de 38 anos e Luiz Castro Júnior, de 44 anos, foram encontrados mortos nessa sexta-feira (2/9) na casa que moravam em Hyannis, no estado de Massachusetts, nos Estados Unidos.

O casal nasceu em Votuporanga, no interior de São Paulo, e tinha dois meninos de 7 e 11 anos. Uma amiga brasileira que reside nos EUA criou uma vaquinha para pagar o funeral da mulher e cuidar das crianças, que estão com outra amiga da família.

O Departamento de Polícia de Barnstable divulgou nas redes sociais um comunicado afirmando que por volta das 2h48 recebeu uma ligação relatando um ataque dentro da casa do casal no bairro de Murray Way.

Homicídio e suicídio

“Após investigação, foi determinado que um homicídio e suicídio ocorreram na casa e a Unidade de Detetives da Polícia do Estado de Massachusetts foi chamada ao local”, disse a polícia em nota.

O órgão de segurança ainda afirmou que o crime foi isolado na residência em Murray Way e não há perigo para o público. Segundo o departamento, a investigação ainda está em andamento.

“Aline foi esfaqueada até a morte na frente do filho mais velho pelo marido, que tirou sua própria vida largando as crianças sem ninguém”, escreveu a criadora da vaquinha.

Brasil

O Ministério de Relações Exteriores afirmou ao Metrópoles que o Consulado-Geral entrou em contato com familiares no Brasil e nos Estados Unidos. O Itamaraty disse que está oferecendo advogado e psicólogo e assegurando o bem-estar das crianças, que não estão em um orfanato.
“Por intermédio do Consulado-Geral do Brasil em Boston, o Itamaraty continua acompanhando o caso e prestando a assistência consular necessária, em conformidade com os tratados internacionais vigentes e com a legislação local”, disse o órgão federal em nota.

Por Gabriela Marçal - Metrópoles

Nenhum comentário

Agradecemos pelo comentário.