Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Caiado entrega 2.461 cartões do Mães de Goiás nas regiões Norte e Nordeste

Distribuição de benefício social garante repasse mensal de R$ 250 a mulheres em situação de vulnerabilidade com filhos de até seis anos. Ao ...

Distribuição de benefício social garante repasse mensal de R$ 250 a mulheres em situação de vulnerabilidade com filhos de até seis anos. Ao longo do dia, foram contempladas famílias de São João D’Aliança (388), Posse (789), Minaçu (599) e Porangatu (685). “Goiás agora tem governo. Com isso, vem saúde, educação, segurança pública e programas sociais”, diz governador. Durante agenda, ele confirma que vai vistoriar região afetada pela chuva nesta sexta-feira (31/12), em Teresina de Goiás



O governador Ronaldo Caiado entregou, nesta quinta-feira (30/12), 2.461 cartões do Mães de Goiás nas regiões Norte e Nordeste do Estado. A partir do programa, mulheres com crianças de até seis anos, e em situação de vulnerabilidade, recebem R$ 250 mensais para garantir comida no prato da família e medicamentos. “Não é um programa emergencial, oportunista ou eleitoreiro. É uma ação para interromper o ciclo da pobreza”, definiu o governador, que esteve em São João D’Aliança, Posse, Minaçu e Porangatu. 

Com o giro de hoje, desde o início da semana, o Governo de Goiás entregou o benefício para mais de 14 mil mulheres em 17 municípios. Assim, fecha o ano de 2021 com moradoras de 90 localidades atendidas e quase 70 mil cartões distribuídos. O programa de transferência de renda, que é gerido pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Seds), foi lançado em setembro deste ano e vai atender 100 mil mães em todos os 246 municípios goianos.

São João D’Aliança

A dona de casa Adriana Neide Ribeiro tem três filhos e é uma das 388 contempladas com o benefício em São João D’Aliança. Em suas palavras, o crédito mensal garantirá melhor qualidade de vida à família. “Vai ajudar e muito. Acho que a área que está mais cara hoje é a alimentação. Então, com esse dinheiro poderei comprar o essencial que precisamos todo mês. Vai ser maravilhoso”, salientou.

A prefeita Débora Domingues afirmou que o gestor público precisa de um olhar amplo, que contemple todos os setores da sociedade. É essa a essência proposta por Caiado ao lançar o cartão, que atende às necessidades das mães, ao mesmo tempo em que fomenta a economia regional. “O programa garante a segurança alimentar das nossas crianças e fortalece o comércio local. O povo de São João D’Aliança te agradece, governador, por essa iniciativa espetacular”, pontuou.

O deputado estadual Tião Caroço mencionou a força dos programas sociais implementados pelo Estado, inclusive o empenho em levar alimentos a famílias isoladas pelas enchentes devido às fortes chuvas que atingem a região. “Enquanto outros governadores estão na praia, Caiado está aqui, fazendo o bem para a comunidade”, frisou. O presidente da Câmara Municipal, Neto Fernandes, concordou: “O Nordeste goiano era uma região muito esquecida por gestões passadas. Então, agradeço e parabenizo por lançar programas voltados para pessoas que realmente precisam, principalmente nesse tempo de pandemia.”

Posse

Ainda no Nordeste do Estado, Caiado distribuiu 789 cartões do Mães de Goiás, em Posse. O prefeito Dr. Helder agradeceu a atenção dispensada à região, que pode ser comprovada com a entrega de série de benfeitorias. Ele citou a que considera principal na área da saúde: “Quando entrou no governo, o senhor terminou uma obra que muitos achavam que ia virar mais um elefante branco na nossa cidade. Hoje a policlínica funciona, com os melhores equipamentos e hemodiálise. Isso tirou o sofrimento de muita gente da região.”

Caiado disse que, enquanto for governador, nenhuma região será discriminada. Tanto que há três anos luta para combater as desigualdades e dar condições dignas de vida a todo goiano. “As pessoas já sentiram a diferença. Goiás agora tem governo. Com isso, vem saúde, educação, segurança pública e programas sociais”, pontuou.

O governador elencou algumas das estratégias adotadas para contemplar regiões historicamente esquecidas. “Criamos o Índice Multidimensional de Carência das Famílias Goianas (IMCF) e atuamos em cada necessidade: instalamos estruturas, como as policlínicas, viabilizamos rodovias e pontes de acesso, garantimos educação de qualidade, segurança pública e prioridade de investimentos com incentivos fiscais para empresas que vierem se instalar nessas regiões”, exemplificou.

Para o deputado estadual Iso Moreira, o Mães de Goiás é um programa social que já nasceu exitoso. “Serão injetados quase R$ 200 mil mensais no negócio local para aquecer a economia. Esse trabalho é feito com amor e muita dedicação para que as mães possam fazer com que o recurso chegue até suas famílias.” Já o parlamentar Paulo Trabalho explicou o impacto da circulação desse dinheiro. “O comércio local vai ganhar muito com isso. O giro do recurso garante emprego e renda”, disse.

Minaçu

Em Minaçu, no Norte do Estado, 599 mulheres foram contempladas com o programa de distribuição de renda. “É muito importante a sua presença, governador, trazendo benefício para as mães que precisam cuidar de seus filhos”, afirmou o prefeito Carlos Lereia. “A gente precisa fazer, sempre, um trabalho a muitas mãos”, comentou sobre a parceria entre prefeitura e Estado.

Em resposta, Caiado destacou a importância de cuidar das crianças, desde os seus primeiros dias de vida até a fase adulta. “Esse é o papel de nós, governadores e prefeitos. Cuidar da pessoa o tempo todo. No primeiro período de vida, está nas mãos de vocês [prefeitura], com as creches. A partir dos seis anos, elas entram na fase escolar e nós fizemos a tarefa de casa. Nesse período de pandemia, não ficamos parados. Reformamos todas as escolas estaduais”, ressaltou, sob aplausos.

Porangatu

Na última parada, em Porangatu, foram entregues 685 cartões do Mães de Goiás. Um deles já está nas mãos da desempregada Áurea Lopes, que tem 18 filhos, dos quais cinco moram com ela. O mais novo tem seis meses. “Muito importante para mim”, resumiu.

Para a prefeita Vanuza Valadares, o espírito estadista de Caiado tem mudado vidas. “Ele está fazendo de tudo para que nós, cidadãos, possamos construir um futuro melhor para nossa gente, para nossos filhos”, disse a gestora ao pedir uma salva de palmas ao governador. “Sabemos o quanto essa ajuda é importante para todas nesse momento tão difícil”, complementou o vice-presidente da Câmara Municipal, Geraldo Santa Rita.

Vistoria

O governador Ronaldo Caiado confirmou que vai vistoriar uma área do Estado afetada por fortes chuvas. Na manhã desta sexta-feira (31/12), irá a Teresina de Goiás, um dos municípios onde foi decretada situação de calamidade. “Já temos uma base montada na região. Estamos levando alimentos, cestas básicas, medicamentos e todo suporte necessário”, disse.

O decreto, publicado no último dia 27 de dezembro, também abrange Alto Paraíso de Goiás, Colinas do Sul, Cavalcante, Monte Alegre de Goiás, Campos Belos, Divinópolis de Goiás, São Domingos, Iaciara, Formoso, Niquelândia, São João D'Aliança, Guarani e Flores de Goiás. A situação de emergência prevê a prestação de apoio necessário para contornar os danos causados pelas fortes precipitações aos municípios e seus moradores.

Em entrevista, o governador também comentou sobre a situação da GO-118, entre Alto Paraíso e Teresina de Goiás. O trecho foi interditado no último fim de semana após erosão no leito da pista. “Essa ruptura causou muita dificuldade, mas estamos com toda equipe no local para recuperação [da rodovia] o mais rápido possível”, frisou.

O Estado criou rota alternativa para desviar o trânsito enquanto é realizada a recuperação da rodovia. A Agência Goiana de Infraestrutura e Transportes (Goinfra) já executa obras de reforço do talude no lado da pista que não foi atingido pela erosão para liberar essa parte da via no dia 7 de janeiro. A recuperação total da GO-118 deve ser finalizada até meados de fevereiro.

Fonte: Secretaria de Comunicação (Secom)

Nenhum comentário