Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Escolas públicas do DF tem programação especial em comemoração ao Dia das Crianças

Estudantes tiveram a oportunidade de conhecer a Declaração Universal dos Direitos da Criança, além de atividades de estímulo à criatividade ...

Estudantes tiveram a oportunidade de conhecer a Declaração Universal dos Direitos da Criança, além de atividades de estímulo à criatividade

 
Foto da Agência Brasília

No mês dedicado às crianças, o Governo do Distrito Federal está com uma programação especial para os estudantes de todas as 14 coordenações regionais, em comemoração ao Dia das Crianças.
 
Para destacar a importância dos pequenos na sociedade, o Jardim de Infância 01 do Riacho Fundo II elaborou ações para discutir o tema.
 
Os 409 estudantes tiveram a oportunidade de conhecer a Declaração Universal dos Direitos da Criança neste início do mês de outubro. As crianças puderam se familiarizar com o texto e organizaram uma passeata na escola com cartazes ressaltando os direitos humanos fundamentais, tais como: educação gratuita e lazer, moradia, proteção especial para desenvolvimento físico, mental e social, igualdade.
 
“Eu gostei de saber do direito da criança. É um direito meu brincar!”, revelou Erick Gabriel, de apenas 5 anos, com um sorriso estampado no rosto.
 
Na ocasião, o corpo docente estimulou os alunos a compartilhar esse conhecimento com a família, amigos e pessoas próximas. Os estudantes da educação infantil na rede pública estão participando de atividades que despertam o interesse na musicalidade, brincadeiras e alimentação saudável.
 
Para despertar a criatividade no campo da música, os pequenos do Jardim de Infância 01 do Riacho Fundo II, participaram de uma oficina de música com instrumentos produzidos com material reciclado para estimular a criatividade, formas de expressão, entre outros aspectos da formação das crianças.
 
“Criança é movimento, criatividade, ação. Cada uma tem uma maneira de se expressar e essas atividades dão vazão a isso. Trabalhamos a musicalidade, aliada a outras questões, mostrando que aqueles objetos não são sucata e podem ser transformados”, ressaltou Lívia Gomes, diretora da unidade.
 
A pequena Eloá Santos, 6 anos, é uma das mais animadas com as atividades. “Eu consigo fazer música com muitos objetos diferentes. Meu artista preferido é o Michael Jackson”, revelou.

Da redação Estrutural On-line

Nenhum comentário