Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

CLIMA DE PÂNICO: Jovem fica em pé em brinquedo e morre esmagado em parque de diversões; vídeo

Durante entrevista, o dono do parque informou que “o erro não foi do brinquedo” 



Uma tragédia foi registrada na noite desta quinta-feira (28), depois que um jovem de 29 anos morreu esmagado em um dos brinquedos em um parque de diversões de Itu, município do interior de São Paulo.  
  
A vítima identificada como sendo William Ribeiro de Oliveira teria retirado a grade que o prendia no banco do brinquedo conhecido como Superman que faz movimentos giratórios no ar. O operador revelou que a vítima chegou a ficar em pé durante a operação e caiu.  
  
A vítima chegou a ser conduzida para uma Unidade de Pronto Atendimento, abreviadamente (UPA 24h),  do bairro Vila Martins, porém não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Outras cinco pessoas que estavam no brinquedo e que tentaram salvar o jovem também tiveram algumas escoriações. As vítimas foram encaminhadas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhadas à PAM Vila Martins, UPA e Santa Casa. 
  
Visitantes que estavam no parque registraram os momentos de pânico e aflição de algumas pessoas que tentaram resgatar Willian da estrutura, enquanto entraram em clima de desespero.  
  
O proprietário do parque de diversões e o operador foram intimados a prestarem depoimento na delegacia de Polícia Civil. Durante entrevista à TV Tem, o dono do parque informou que “o erro não foi do brinquedo”. 
  
“O pessoal deu uma olhada no equipamento e viu que está tudo ok. Infelizmente, o rapaz foi andar de forma incorreta, querer ficar em pé, não sei se foi para tirar selfie, eu não sei dizer exatamente, mas ele foi orientado a sentar. Ele sentou e, depois, quando o equipamento rodou novamente, ele ficou em pé, caiu no chão. Aí o equipamento freou rapidamente, mas não foi o suficiente para poder parar e catou ele”, explicou.  
  
O proprietário informou ainda que o parque de exposições vai prestar todo suporte a família da vítima, assim como aos visitantes que ficaram machucados ao tentar salvar Willian.   
  
Questionada a falar sobre o assunto, a Prefeitura Municipal adiantou que o parque de diversões será fechado ao público e nos próximos dias desmontado. Agentes da Polícia Civil já começaram a colher depoimentos dos envolvidos e aguarda o laudo da perícia. O caso está sendo tratado como homicídio culposo, quando não há intenção de matar, e lesão corporal culposa. 
  
Veja o vídeo : 


Da redação Estrutural On-line

Nenhum comentário

Agradecemos pelo comentário.