Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Parceria entre BRB e Flamengo vai gerar mais de R$ 500 milhões para obras do GDF

BRB já repassou nos últimos três anos quase R$ 1 bilhão ao Governo do Distrito Federal, usados para a seguridade social, obras, saúde e educação; parceria sofre ataques de fake news



A mais nova fake news política nas eleições de 2022 é de que o Governo do Distrito Federal (GDF) iria gastar centenas de milhões de reais para construção de um estádio de Futebol para o Clube de Regatas Flamengo, através de uma parceria com o Banco de Brasília S.A. (BRB).

A mentira, usada por adversários do governador Ibaneis Rocha (MDB), não se sustenta quando confrontada com a verdade. É mais um caso a ser analisado pelo Tribunal Regional Eleitoral do DF (TRE-DF) e o Ministério Público Eleitoral (MPE), e que pode gerar muitas dores de cabeça jurídicas para aqueles que estão espalhando as fake news.

A verdade dos fatos é que o BRB e o Flamengo constituíram uma empresa que está avaliada em mais de R$ 2 bilhões e estão procurando um sócio para comprar parte dessa empresa.

O Flamengo vai usar a metade dele para construir um estádio e o BRB vai usar para pagar dividendos ao Governo do DF.

Serão mais de R$ 500 milhões para o GDF que serão destinados para a seguridade social, obras, saúde e educação do Distrito Federal.

O Banco de Brasília já conseguiu nesse governo mais de R$ 1,5 bilhão em lucro e pagou R$ 775 milhões em dividendos ao GDF. Isso é mais que o dobro do governo anterior. E é fruto de uma administração séria do banco.

Sobre a parceria

O presidente do BRB, Paulo Henrique Costa, afirmou que busca um sócio para financiar a compra do terreno e a construção do estádio do clube. Ele também contou que o banco pretende ter o naming rights do futuro estádio. 

"O primeiro movimento é a busca de um sócio porque ele precifica a nossa parceria, compre parcela das ações e isso gerará o resultado que o Flamengo precisa para financiar a compra (do terreno) e a construção do estádio. Além disso, o BRB como sócio quer estar junto no naming rights e vai continuar na parceria dando resultado para o Flamengo", explicou Paulo Henrique.

O presidente do BRB contou que a busca por esse sócio está sendo feita pelo banco e que contratou o BTG para comandar a operação de procura por esse parceiro: "Contratamos um assessor financeiro que é BTG, que conduz a operação. E estamos no momento em que a gente busca acessar os investidores para ver quem vem com a gente".

Paulo Henrique Costa afirmou que o BRB soltou um Fato Relevante na Comissão de Valores Imobiliários (CMV) dizendo ter iniciado as providências, e foi aprovada a criação de uma nova empresa que vai receber o Nação BRB FLA, que é o banco digital constituído pelo BRB e pelo Flamengo.

O Fato Relevante está disponível no site da Comissão de Valores Imobiliários (CVM).

A empresa Nação BRB FLA é uma plataforma que oferece contas digitais e cartões de débito e crédito pré-pago, além de investimentos, produtos previdenciários e de capitalização.

Com validade de três anos, prorrogável por mais dois, o acordo estabelece a divisão de lucros igualitária entre o BRB e o time do Rio de Janeiro. Ou seja: 50% para cada.

A parceria de sucesso vem sendo atacada com fake news, mas autoridades eleitorais já tomaram conhecimento das mentiras que vem sendo espalhadas.

Nenhum comentário

Agradecemos pelo comentário.