Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

PROCURADO! Filho grava vídeo durante balada após espancar violentamente o pai no DF

A Polícia Civil do DF por meio da 8ª DP divulgou as imagens do suspeito e pede a população que possa denunciar Aldinei pelo telefone 197 Um ...

A Polícia Civil do DF por meio da 8ª DP divulgou as imagens do suspeito e pede a população que possa denunciar Aldinei pelo telefone 197


Um homem de 29 anos foi preso suspeito de tentar matar o próprio pai no dia 12 de agosto, na Rua 2, na Chácara 22, no assentamento 26 de setembro, em Vicente Pires, no Distrito Federal. O crime chocou os moradores da localidade, uma vez que após espancar seu genitor e provocar um ferimento grave no pulmão, Aldinei Oliveira Souza chegou a gravar um vídeo, como se nada tivesse acontecido, em uma balada.

De acordo com informações da Polícia Civil, o criminoso não tinha uma boa relação com seu pai e um dos motivos alegados era que ele não tinha uma ocupação. Movido pelo ódio, o suspeito invadiu a residência onde vivia a mãe e uma irmã e sem nenhum motivo aparente, passou a espancar violentamente a vítima, deixando-a desacordada.

Após as agressões, o homem gravemente ferido com perfurações no pulmão e com algumas costelas quebradas, foi encaminhado para uma unidade de saúde, onde segue em estado grave, na UTI.
Imagem do pai na UTI

Durante depoimento, Aldinei confessou que agrediu o pai sob a alegação que ele praticava violência doméstica contra a mãe. A mãe e a irmã do suspeito negaram que no dia em questão, tivesse ocorrido alguma justificativa para tamanha agressão.

Como se não bastasse a violência utilizada, o criminoso quebrou dois celulares da vítima e furtou do pai a quantia de R$1.000 reais. Além de espancar o pai e ir para a balada, Aldinei enviou um vídeo para a mãe e irmã, onde contém imagens fortes de um homem sem a língua e desacordado.

Ainda de acordo com a polícia, a intenção de Aldinei ao enviar o vídeo era intimidar a mãe e a própria irmã para que não entregasse ele à polícia. Diante da barbárie foi emitido um mandado de prisão preventiva contra Aldinei que segue foragido da Justiça.

A Polícia Civil do DF por meio da 8ª DP divulgou as imagens do suspeito e pede a população que possa denunciar Aldinei pelo telefone 197 para que ele possa ser preso e conduzido para o sistema penal para responder ao crime de tentativa de homicídio.


Da redação Estrutural On-line

Nenhum comentário