Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Agentes da 8ª DP prenderam suspeito de roubo à coletivo

Na sexta-feira (30), policiais da 08ª Delegacia de Polícia deflagraram a 2ª etapa da operação “ Ponto Seguro ”, cujo objetivo é desarticular...


Na sexta-feira (30), policiais da 08ª Delegacia de Polícia deflagraram a 2ª etapa da operação “Ponto Seguro”, cujo objetivo é desarticular um grupo de indivíduos especializado na prática de roubos em coletivos em todo o Distrito Federal, sobretudo na Cidade Estrutural.

De acordo com as investigações, o grupo era composto, em sua maioria, por autores residentes no Setor Leste da Cidade Estrutural, os quais se revezavam no cometimento dos delitos, inclusive corrompendo menores para o ato. Por vezes, tais adolescentes, mediante grave ameaça exercida com emprego de arma de fogo, eram responsáveis por subjugar as vítimas, ao passo que os imputáveis ficavam incumbidos pela subtração dos pertences dos passageiros e dinheiro do caixa do ônibus. Em outras ocasiões, as funções entre eles eram invertidas. Estima-se que aproximadamente 30 pessoas tenham sido vítimas dos suspeitos.
No dia 30 de abril, após novas diligências investigativas, os agentes de polícia conseguiram deter mais um dos suspeitos, em cujo desfavor havia um mandado de prisão preventiva em aberto, expedido pelo Juízo da 03ª Vara Criminal de Brasília.

Além da ação realizada no dia 30, outros três suspeitos de participarem dos roubos sob investigação já haviam sido presos anteriormente. No dia 24/02/2021, na Cidade Estrutural/DF, os investigadores da SIG/08ª DP apreenderam em flagrante um adolescente, pela prática de ato infracional análogo ao crime de roubo, sendo referido adolescente encaminhado à Delegacia da Criança e do Adolescente 1, onde foi instaurado o respectivo procedimento de apuração de ato infracional. Nos dias 15 e 26 de abril de 2021, em decorrência das investigações empreendidas pela 8º DP, foram cumpridos mandados de prisão temporária expedidos em desfavor de dois suspeitos.

Após o cumprimento do mandado de prisão, o suspeito foi recolhido à carceragem da PCDF, ficando à disposição do Judiciário.

ASCOM/DGPC

Nenhum comentário