Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Tudo caminha para Ibaneis ser eleito no primeiro turno


O esvaziamento progressivo das candidatura de Paulo Octávio(PSD), e do pouco desempenho de Izalci Lucas(PSDB) e Leila do Vôlei(PDT), pode aumentar, ainda mais, a vantagem do governador Ibaneis Rocha(MDB) em relação aos números apresentados pela última pesquisa, divulgada neste sábado, pelo Ipec/TVGlobo.

De acordo com todos as análises feitas dos cenários, apontados pelas pesquisas, realizadas e divulgadas durante a semana, o candidato do PSD, Paulo Octávio, não decolou como haviam planejados seus marqueteiros.

Chegou ao fim da corrida abandonado por grande parte dos seus desiludidos apoiadores.

A razão, está no fato da candidatura não ultrapassar o primeiro dígito das pesquisas e pelas propostas mirabolantes, como a de dar passagens de graça, nos transportes públicos do DF, ou a de derrubar a rodoviária do Plano Piloto e refazê-la em sete dias, como Deus criou o mundo.

Além do mais, pesou na consciência do eleitorado, a exposição da vida pregressa de PO.

O eleitor que abandonou Paulo Octávio faz parte do mesmo nicho eleitoral de Ibaneis Rocha, que mantém a sua liderança consolidada que pode lacrar a vitória ainda hoje.

Durante a campanha, Ibaneis usou a sua mais importante estratégia de mostrar o que fez pelo DF e o que pode fazer pela população no segundo mandato, caso se eleja.

Embora sendo bastante atacado pelos adversários, Ibaneis preferiu ficar na dele sem devolver nenhum comentário, ácido, mesmo nos debates da televisão.

Ibaneis jogou bem nos últimos dias pela conquista do voto útil. Os que abandonaram PO, pela estrada, preferem se realinharem ao lado do emedebista do que migrar para o raivoso esquerdista Leandro Grass.

O mesmo fenômeno pode ocorrer com aquele eleitor que não gosta de jogar seu voto fora, ao sentir que as candidaturas de Izalci Lucas(PSDB), de Leila do Vôlei (PDT) e a do Coronel Moreno (PTB), não surtiram efeitos práticos, como imaginavam.

Nenhum comentário

Agradecemos pelo comentário.