Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Moraes liga para Lula e Bolsonaro após resultado das Eleições 2022

O presidente do TSE informou ter ligado para ambos os candidatos que disputaram o cargo para a presidência da República


Foto: Antonio Augusto/Secom/TSE

Ao proclamar o resultado das eleições para presidente da República, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, relatou ter ligado para os candidatos que concorreram ao pleito. “Liguei pessoalmente para conversar com ambos os candidatos, Luiz Inácio Lula da Silva e Jair Bolsonaro, dizendo que a Justiça Eleitoral já estava apta para proclamar o resultado”, disse o ministro a jornalistas.

Moraes afirmou ter conversado com cada um e os cumprimentou pela participação no jogo democrático. O presidente do TSE ressaltou que não conversou com Bolsonaro sobre possível questionamento do resultado das urnas e reafirmou acreditar que isso “não ocorrerá”.

“Nenhuma decisão do STF [Supremo Tribunal Federal] foi desrespeitada. Não há nada de novo a se fazer. Não há nenhum problema em relação a isso. Liguei para os dois candidatos e disse que o TSE ia proclamar o resultado e os parabenizei pela participação nas eleições. Bolsonaro me atendeu com extrema educação. Agradeceu a ligação. O Lula também”, completou Moraes.

A vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi confirmada pela Justiça Eleitoral às 19h57, com 98,81% das urnas apuradas, quando o petista tinha 50,83% dos votos válidos (59.563.912) e Bolsonaro, 49,17% (57.627.462). Com 99,8% das urnas apuradas, Lula teve 50,9% dos votos, contra 49,1% de Jair Bolsonaro (PL), uma diferença de 2,1 milhões de votos.

Votos

Moraes ainda relatou que o Brasil encerrou as eleições de 2022 com o maior número número de votos em candidatos da história brasileira desde a redemocratização. Dos 156 milhões de eleitores aptos, 124,1 milhões de pessoas, ou 75,8% do eleitorado, depositaram seus votos nas urnas.

O percentual de eleitores que não foram às urnas neste 30 de outubro também surpreendeu: é menor do que o registrado pelo TSE em primeiro turno. No dia 2 de outubro, 32,7 milhões de brasileiros não compareceram aos seus locais de votação, índice de 20,95%. Agora, dados do TSE apontam uma abstenção de 32,6 milhões de brasileiros, um percentual de 20,56%.

“Em todas eleições anteriores sempre houve aumento de abstenção do primeiro para o segundo turno. Esse ano, caiu de 20,95%, no primeiro turno e, no segundo turno, reduzimos para 20,56%. Houve diminuição ainda dos votos brancos e nulos. Tivemos hoje 75,8% do eleitorado votando, o maior percentual de votos da história republicana desde redemocratização do Brasil”, afirmou o presidente do TSE.

Por Manoela Alcântara - Metrópoles

Nenhum comentário

Agradecemos pelo comentário.