Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Confira 4 sinais nas mãos que podem indicar se você tem diabetes

Apesar da pele e do cabelo serem muito conhecidos por indicarem como está a saúde do corpo, as mãos também podem apresentar alguns sinais


Imagem de PublicDomainPictures por Pixabay / Grátis para uso comercial / Atribuição não requerida

A diabetes é uma das doenças mais comuns do mundo, mas nem sempre os seus sinais são claros para o paciente. Enquanto alguns percebem os sintomas mais claros da condição, como sede anormal, vontade de urinar frequente, fadiga, visão desfocada e fome constante, outros sequer identificam que estão desenvolvendo a doença.

Porém, observar as mãos pode ajudar no diagnóstico — em alguns casos, alterações nas unhas, por exemplo, podem indicar que o corpo está lidando com altos níveis de glicose no sangue causados pela doença.

De acordo com a Federação Internacional de Diabetes, o número de pessoas com a condição teve um aumento de 74 milhões em 2021, totalizando 537 milhões de adultos no mundo. No Brasil, dados mostram que 16,8 milhões de indivíduos têm a doença, o equivalente a cerca de 7% da população.

Estima-se que a maioria das pessoas com diabetes tipo 2 nem sabe que tem a doença. Isso ocorre devido ao caráter silencioso dos sintomas, que nem sempre são identificados pelo paciente. No entanto, especialistas sugerem alguns sinais a serem observados nas mãos para identificar a condição. Confira:

Sinais de diabetes nas mãos

1. Dedos travados

Segundo um estudo publicado pela Associação Americana de Diabetes, pessoas com diabetes tipo 1 e tipo 2 são mais propensas a apresentar dedos travados. O sinal acontece quando um ou mais dedos, geralmente o anelar ou polegar, permanece em uma posição dobrada que é difícil de endireitar. A condição é dolorosa e o paciente pode precisar de cirurgia para resolver a situação.

2. Vermelhidão ao redor das unhas

Um estudo anterior, publicado na Wiley Clinical Healthcare Hub, descobriu que pessoas com diabetes normalmente possuem problemas de circulação. A situação pode causar vermelhidão ao redor das unhas.

3. Linhas nas unhas

Pessoas com diabetes podem ter Linha de Beau, uma alteração linear transversal nas unhas. Nesse caso, também é importante estar atento às unhas dos pés.

4. Unhas amareladas

Uma infecção fúngica conhecida como onicomicose é muito comum em pessoas com diabetes. A condição deixa as unhas amarelas e quebradiças, mais espessas e irregulares.

Mesmo com a presença dos sintomas, é importante consultar um médico para confirmar o diagnóstico. Só o profissional de saúde pode indicar o tratamento específico para o paciente.

Por Thiago Guimarães - Metrópoles

Nenhum comentário

Agradecemos pelo comentário.