Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Armazém dos móveis

Banner-armaz-m-dos-m-veis

O coração generoso de Luiz Gonzaga

Conversando, há pouco, com o empresário José Carlos Mendonça, o Pinga, que promoveu cerca de 300 shows de Roberto Carlos e Luiz Gonzaga, tam...


Conversando, há pouco, com o empresário José Carlos Mendonça, o Pinga, que promoveu cerca de 300 shows de Roberto Carlos e Luiz Gonzaga, também, ouvi uma maravilhosa história do Rei do Baião. Eu conheci Gonzaga, o entrevistei três vezes, e sei que se tratava de um tremendo papel de embrulhar prego.

E Pinga concorda. Só que Gonzaga tinha gestos generosos surpreendentes, grande coração de mãe. Pinga viajava com ele pelo Sertão pernambucano numa maratona de apresentações quando, ao passar por Custódia, o sanfoneiro observa da estrada um circo armado com uma lona furada. Aquilo deu um nó no coração dele, segundo Pinga.

Imediatamente, o artista manda o motorista voltar e se dirigir ao circo. Chegando lá, disse que gostaria de falar com o dono. O porteiro não acreditou no que estava vendo e foi chamar o patrão, que imaginou tratar-se de uma pegadinha. "É o senhor o Luiz Gonzaga?, perguntou o dono do circo.

"De carne e osso", reagiu o Rei do Baião, dentro do seu figurino grosseiro, mas próprio dele. E ordenou o dono do circo a mandar anunciar na cidade, através de um carro de som, que naquela noite iria haver um show dele no picadeiro circense. E assim a ordem foi cumprida. Quando Gonzagão chegou, no horário marcado, a cidade inteira estava no circo para aplaudi-lo. Toda a renda coube ao dono do circo com uma condição: comprar uma lona nova. 

Na saída, vendo que homem ficou com os bolsos cheios de dinheiro, Gonzagão perguntou qual seria a próxima cidade que o circo iria se instalar para ir conferir se a lona realmente seria trocada com a renda do show. A estação seguinte era pertinho de Custódia, Serra Talhada. Gonzagão voltou lá, como prometeu, 15 dias depois, e encontrou o circo de lona nova. Feliz, foi ao encontro do dono e nesse mesmo dia se apresentou em Serra Talhada no próprio circo, revertendo, mais uma vez  toda renda do show para o dono.

Inacreditável? "Em se tratando do Rei do Baião, não. Ele era um bem-feitor da humanidade", define Pinga, que guarda em seus arquivos grandes momentos vividos ao lado de Luiz Gonzaga e Roberto Carlos.

Nenhum comentário