Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

PMDF atuando no combate ao tráfico de drogas no Brasil

No início do mês de março, os integrantes do Batalhão de Aviação Operacional da PMDF apoiaram o Departamento de Polícia Federal - PF, no com...


No início do mês de março, os integrantes do Batalhão de Aviação Operacional da PMDF apoiaram o Departamento de Polícia Federal - PF, no combate ao tráfico de entorpecentes na região conhecida como “Polígono da Maconha”, entre os Estados de Pernambuco e Bahia.

A Operação denominada “Fusarium I” foi desencadeada no combate e erradicação ao plantio de maconha (canabis sativa) em diversas localidades da caatinga pernambucana.

A tripulação do Fênix 01 através de sua aeronave possibilitou, como vetor de transporte, o deslocamento de tropa em localidades de difícil acesso devido a inacessibilidade das plantações, o levantamento de áreas de plantio, bem como as demais atividades de operações aéreas desenvolvidas diuturnamente pelo BAvOp.

A operação ainda contou com a participação da Polícia Militar e Civil do Estado de Pernambuco, do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco e da Paraíba, da Polícia Civil de Goiás e do Exército Brasileiro que somaram esforços no combate ao tráfico interestadual de entorpecentes onde, a maconha que é cultivada naquela região chega a ser vendida em diversos Estados brasileiros, inclusive em nossa capital, influenciando negativamente no aumento da violência e da criminalidade no DF.

Segundo dados pela Polícia Federal, foram localizadas e destruídas 87 áreas de plantio, correspondendo a 91.724 m2 e, caso os pés de maconha erradicados fossem colhidos, prensados e colocados no mercado, o rendimento seria, de aproximadamente 114 toneladas de droga.

Através da cooperação e da integração entre as Instituições Coirmãs no exercício da Segurança Pública, a PMDF, mais uma vez, se consolida como uma Corporação engajada com os ideais de preservação da ordem e de combate aos ilícitos cada vez mais crescentes, em prol da sociedade brasileira.

Com informações da PMDF

Nenhum comentário