HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin
GIF-300-MEGA

Últimas notícias

latest

Mais de 300 obras pelo DF executadas pela NOVACAP

Na tarde desta quarta-feira (16),  o presidente da NOVACAP, Fernando Leite foi entrevistado por jornalistas e blogueiros da ABBP onde respon...


Na tarde desta quarta-feira (16),  o presidente da NOVACAP, Fernando Leite foi entrevistado por jornalistas e blogueiros da ABBP onde respondeu várias perguntas sobre o presente e o futuro da instituição.

Em uma explanação geral sobre sua gestão, ele lembrou que todas as obras na construção de Brasília até os dias atuais foram construídas pela Novacap. Teatro Nacional, Esplanada, pavimentos, área verde e tantas outras. E estando a frente da "Empresa mãe" não seria diferente.

Segundo ele, quando recebeu o convite do governador Ibaneis Rocha, aceitou de imediato. Com um dever principal de "reviver os tempos de glória da instituição, que ela voltasse a ser nova de fato," falou Fernando Leite.

Com mais de 300 obras sendo executada pela NOVACAP o Distrito Federal não parou.

“Estamos cumprindo a determinação do governador Ibaneis Rocha que tem como prioridade, cuidar e dar manutenção aos espaços físicos do Plano Piloto e das Regiões Administrativas. A vontade do governador, é transformar o DF num canteiro de obras, é também a prioridade da Novacap”, disse Fernando Leite,

Destacou ainda que 136 certames (licitações em andamento, conclusa e em fase de preparação), que somados atingem mais de R$ 2 bilhões em obras, com o planejamento de modernizar a infraestrutura e tornar o DF cada vez mais preparado para atrair novos investimentos gerando emprego e renda para a população.

Ressaltou ainda que além da obras estruturantes, a grande obra de 2020 do governador Ibaneis Rocha, é colocar a cidade para funcionar.

"Participamos da campanha do governador e de seu plano de governo. Posso garantir que a maior obra do governador Ibaneis Rocha é a de cuidar das pessoas e das cidades do DF. Durante a caminhada de 2018, ouvimos as demandas da população. As pessoas diziam que o DF estava abandonado porque as delegacias de polícia estavam fechadas, os hospitais não estavam funcionando e que as vias e equipamentos públicos estavam precários. Além de colocar aquelas demandas tradicionais como segurança, educação, mobilidade e saúde, as pessoas passaram também a reivindicar demandas como a revitalização de uma praça, colocação de meios-fios e construção de calçadas, iniciativas tão importantes quantas todas as outras", Concluiu Fernando Leite.

Por Francisco Gelielcon
#EstruturalOnLine

Nenhum comentário