HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin
GIF-300-MEGA

Últimas notícias

latest
Continua abaixo do anúncio
Butique-das-utilidades

EXCLUSIVO | Funcionário de um bar em Brazlândia é agredido por vários homens após recusar fritar um sapo

Imagem retirada do google Alguns homens que estavam ingerindo bebidas alcoólica próximo a um bar em Brazlândia neste domingo (25), criaram u...

Imagem retirada do google

Alguns homens que estavam ingerindo bebidas alcoólica próximo a um bar em Brazlândia neste domingo (25), criaram uma grande confusão dentro do estabelecimento após o funcionário recusar fritar um sapo. Houve muita pancadaria, destruição de algumas mercadorias e de equipamentos no interior do comércio.

A equipe do site Estrutural on-line conversou com Rodrigo que é proprietário do estabelecimento e ele relatou que vários homens estavam bebendo desde cedo próximo ao seu bar e durante esse período eles usaram o banheiro algumas vezes.

Por volta das 21h, um deles pediu uma dose de cachaça, e com um tom de brincadeira jogou um sapo no balcão e pediu para o funcionário fritar. O funcionário mandou que ele retirasse o sapo dali. Mas ele deu uma mordida no sapo, e perguntou se iria comer o sapo cru.

Nesse momento os ânimos ficaram alterados e o "cliente" começou xingar. O proprietário do bar que é atirador desportivo havia acabado de chegar da chácara de um colega onde estava praticando aulas de tiro, pois resolveu passar no estabelecimento para fazer retirada de valores.

Ele tentou acalmar os ânimos mas não conseguiu. As agressões físicas começaram e os que estavam do lado de fora já entraram na briga agredindo o funcionário com chutes e porradas. Um amigo do funcionário vendo ele ser agredido tentou ajudar, pois eram vários homens contra um.

Vendo que não iriam cessar as agressões e com intuito que parassem, Rodrigo resolveu sacar sua arma que é legalizada e disparou contra a porta de seu estabelecimento que segundo ele é um local que não tinha perigo de ricochetear.

Rodrigo nos informou que efetuou o disparo em legítima defesa, pois viu que se as agressões não acabassem algo de pior poderia acontecer e em momento nenhum pensou em atingir alguém e garantiu que se quisesse ter atingido teria condições devido treinar duas vezes por semana.

Após o disparo as agressões pararam e a polícia chegou no local.

Todos foram encaminhados para a 18ª DP onde o caso está sendo investigado.

Por Francisco Gelielçon
#EstruturalOnLine

4 comentários

  1. Parabéns ao proprietário do restaurante.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns ao empresário, que usou de treinamento para se defender das agrecoes... Armas salvam vidas.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns ao proprietário, acabou com a confusão sem ferir niguem.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns Rodrigo não te conheço mas já têm meu respeito 👏👏👏👏

    ResponderExcluir