Page Nav

HIDE

Gradient Skin

Gradient_Skin

Últimas notícias

latest

Esposa de Cid Moreira alega ter sido agredida pelo enteado

Filhos do comunicador acusam Fátima Sampaio de maus-tratos contra o pai Em mais um capítulo do rompimento público entre Cid Moreira e os fil...

Filhos do comunicador acusam Fátima Sampaio de maus-tratos contra o pai


Em mais um capítulo do rompimento público entre Cid Moreira e os filhos, Fátima Sampaio, esposa do ex-jornalista, rebateu as acusações do ex-caseiro da família, que confirmou que ela teria praticado maus-tratos contra o comunicador. Em participação no programa de Sônia Abraão, nesta sexta-feira (6), Fátima alega ter sido perseguida, ameaçada e agredida pelos filhos de Cid, Roger e Rodrigo Moreira.

– Eles foram aumentando a agressão, nos perseguindo. Vocês pensam que isso é de agora? É coisa antiga, tem 21 anos que estou com o Cid. Vocês podem imaginar o que essas pessoas têm tentado fazer comigo, de forma mais particular e discreta, as chantagens, ameaças e jogos. Não são ameaças claras, são ameaças veladas – disse ela, no programa A Tarde é Sua.

Fátima também levantou suspeitas sobre as circunstância da adoção de Roger, que era sobrinho de Cid.

– Não é muito estranho, o sobrinho da ex ser adotado depois da separação? Ele falou que as mulheres do Cid sempre o controlaram. Então, antes de mim, quem controlava o Cid era a tia do Roger?. […] Parece que eles não querem perder esse controle de jeito nenhum. O Roger, eu já conheço o jeito dele. Eu sabia que ele era capaz, mas não sabia até onde, só estou assistindo para ver. A escola em que ele estudou, eu passo longe – disse.

Já sobre as alegações do ex-caseiro da família, que acusou Fátima de maus-tratos contra Cid, a mulher afirmou que o ex-funcionário tem interesses por trás da situação.

– Estou muito triste com o Manoel [ex-caseiro], ele é uma pessoa simples, humilde. Acho que ele foi seduzido, talvez, por promessas econômicas futuras, só posso pensar que é isso – disse.

CASEIRO RELATA MAUS-TRATOS

Segundo o site Notícias da TV, um dos depoimentos anexados aos autos é o do ex-caseiro que trabalhou por 26 anos na residência do locutor. O ex-funcionário confirma ter presenciado agressões e maus-tratos ao veterano.

Em uma das conversas entre Roger e o ex-caseiro, que foi gravada, a testemunha relata ter visto situações absurdas.

– [A comida] era horrível. […] A comida sai da geladeira, esquenta, vai para a mesa, passa duas horas na mesa, depois volta para a geladeira. [Eram] 15 dias fazendo isso. Era pizza todo dia. E daquelas pizzas horríveis. Ela [Fátima] fazia [a pizza], ficava um tempão lá, na geladeira. Era todo dia pizza – afirma.

O homem, que trabalhou com Cid de 1991 a 2017, afirma também que Fátima saía todo dia, sem dar explicações, e deixava o ex-apresentador sozinho.

– Era todo dia. O coitado ficava igual um bicho preso na jaula, porque ali [na casa] tem que botar aquelas grades. Se não, entra bicho toda hora dentro de casa. […] Ela sumia. Só chegava à noite. Dizia que ia ao salão, que estava fazendo esse negócio de ginástica que ela faz – contou.

Já sobre dinheiro, o ex-colaborador relata ter visto Fátima entregar grandes quantias a conhecidos, amigos e familiares. Em uma das ocasiões, ela teria dado R$ 50 mil a uma funcionária.

– Ela disse que foi emprestado. Mas acho que não. A primeira vez foi R$ 25 mil. Depois, passou um tempo, ela [a colaboradora] pediu mais R$ 25 mil. Acho que era para montar um escritório – destacou ele.

O advogado de Rodrigo e de Roger, Angelo Carbone, também enviou à Justiça outras duas testemunhas que corroboram os supostos maus-tratos. A primeira acusa um irmão de Fátima; a segunda é um ex-funcionário de Cid.

ALVO DO MINISTÉRIO PÚBLICO

No mês passado, Fátima virou alvo de um inquérito em andamento no Ministério Público do Rio de Janeiro, aberto a pedido de Rodrigo Roger. Os dois acusam a madrasta de cárcere privado e de maus-tratos contra o pai. Eles também tentam interditar Cid por meio da Vara de Família e do Registro Civil da Comarca de Petrópolis, no Tribunal de Justiça do Rio.

Gabriela Doria - Pleno News

Nenhum comentário